Um passeio romântico no Lazio, Itália, com cenários de cinema, gastronomia romana na mesa, vinho frascati na taça e vilarejos de sonho a cada curva

Tempo de leitura: 4 minutos

(*) Por Rogerio Ruschel, texto; Mario Ventura, fotos
  Depois de curtir a maravilhosa cidade de Roma, você e sua companhia podem “se perder” pelo Lazio, uma região que alguns consideram um “nova Tosccana”. O Lazio é a região central da Itália e inclui 5 Provincias: Roma, Fronisome, Latina, Rieti e Viterbo. Prensada entre as montanhas Apeninos e o mar Tirreno, a região é resultado de atividades vulcânicas antigas e entre suas montanhas, desfiladeiros e lagos se encontram registros de etruscos e tribos latinas com até 1.000 anos Antes de Cristo – e vilarejos maravilhosos como Cervara di Roma, comunidade com 470 habitantes a 70Km de Roma na foto acima, e Rocca Canterano, vilarejo com 230 habitantes a 45 Kms de Roma, na foto abaixo.
No Lazio sempre se produziram frutas, nozes, azeite de oliva e vinho, mas hoje a riqueza está também no patrimônio histórico, na arquitetura, na gastronomia e no charme da capital, Roma – e na região que muitos não conhecem, mas que vou mostrar aqui com as maravilhosas fotos do artista fotográfico romano Mario Ventura. Na foto abaixo  uma rua com um simpático arco em Anticoli Corrado, vilarejo com 943 moradores.
Existem roteiros pré-prontos para passeios na região, mas minha sugestão é fazer como na Toscana: alugar um carro em Roma, pernoitar em cidades maiores como Viterbo, Rieti, Latina, Frosinone ou Frascati (veja o mapa abaixo) e descobrir o Lazio aos poucos, surpreendendo-se a cada curva. A região tem boas auto-estradas pedagiadas, mas o charme está nas pequenas estradas vicinais.
Se voce estiver dirigindo, deixe para provar os vinhos locais somente à noite, em jantares tranquilos e românticos. Aliás, anote: embora não seja reconhecida por vinhos de alta qualidade como outras regiões da Itália, o Lazio tem ótimos vinhos brancos, entre os quais os Frascatis, cujos vinhedos com as uvas Malvasia di Candia, Trebbiano Toscano, Greco e Malvasia del Lazio estão plantados ao redor de Roma, nos Montes Albanos, região dos Castelli Romani – onde fica o vilarejo de Licenza, encastelado nas montanhas que cercam Roma, na foto abaixo – cercada de vinhedos, frutas e oliveiras.
Outro vinho conhecido do Lazio é o Montefiascone Est! Est! !Est!, feito com uvas Trebbiano e Malvasia na província de Viterbo, que tem uma história curiosa. A história diz que um abade, durante suas viagens, deu a um servo a tarefa de marcar todas as pousadas com os melhores vinhos, escrevendo a palavra “Est” nas paredesdos edifícios. Nas pousadas de Montefiascone, o servo, impressionado com o vinho, escreveu Est,Est, Est, (três vezes) para destacar a excelente qualidade da bebida. Experimente qualquer um destes vinhos em Orvino. O único DOCG da região é o Cesanese del Piglio,vinho tinto produzido nos arredores de Frosinone, com Uvas Cesanese d’Affile e/ou Comune. Na foto abaixo o vilarejo de Gerano, a apenas 40 Km de Roma.
Para degustar qualquer vinho local harmonize com pratos como saladas, com o clássico saltimbocca alla romana, gnocchi, spaghetti all’Amatriciana (com queijo pecorino), spaghetti Carbonara (com pecorino e bacon), rigatoni alla pajata, cordeiros e tantos outros pratos que só de falar já provoca água na boca. Pratos que você pode encontrar até mesmo (e principalmente) em restaurantes pequenos e familiares como em San Vito Romano, o vilarejo com 3.300 moradores a menos de 40 Km de Roma que você pode ver na foto abaixo.
Qualquer roteiro de turismo no Lazio vai sugerir que você visite o Duomo, o Palazzo Papale e a Villa Lante em Viterbo. Na lista estarão também os Castelli Romani de Frascati, nas Colinas Albano; Ostia Antica, que foi o mais importante porto da região até o século V e hoje tem como atração inúmeras ruinas romanas. Na foto abaixo está um pedacinho de Olevano Romano, uma cidadezinha com menos de 7.000 habitantes cerca de 50 Kms de Roma, com fama gastronômica.
Na Provincia de Rieti está Orvinio, cidadezinha com menos de 500 habitantes, onde Mario Ventura capturou belas imagens, entre as quais as duas abaixo.
Também na Provincia de Rieti, Ventura capturou a foto do Castel di Tora, outra pequena comunidade com cerca de 218 habitantes, no alto de u ma colina.
E é claro que na sua lista de visitas deve estar a cidade de Tivoli, que além de ruínas dos templos de Sibila e de Vesta tem como grande atração a Villa D’Este – uma vila romana do século XVI, com magníficas fontes e jardins, hoje um dos tantos prédios tombados como Patrimônio da Humanidade pela Unesco no Lazio. Estão também em Tivoli outras propriedades romanas magníficas como a Villa Gregoriana e a Villa Adriano, residência do Imperador Adriano. Na foto abaixo o que Mario Ventura denominou de “una passeggiata a Tivoli”.
Há pelo menos 4.000 anos etruscos, tribos nômades, visigodos, normandos, árabes, romanos e turistas passeiam em torno de Roma contemplando as imagens surpreendentes do Lazio, enriquecidas com detalhes de pequenos vilarejos como alguns destes aqui dos retratados pelo artista fotográfico romano Mario Ventura (na foto abaixo), a quem faço um brinde.
Para ver mais fotos de Ventura –
(*) Rogerio Ruschel é jornalista, enófilo e consultor especializado em turismo de qualidade. Mario Ventura é um fotógrafo italiano, um artista das lentes e da sensibilidade.

 

8 Comentários


  1. Sou apaixonada pela Itália e atualmente moro na região do Lazio. Sua matéria sugere lugares a serem visitados. Parabéns!

    Responder

  2. Sou apaixonada pela Itália e atualmente moro na região do Lazio. Sua matéria sugere lugares a serem visitados. Parabéns!

    Responder

    1. Sou Brasileiro descendente de italiano, meu bisavo era de lazio Triano ou Triani Luigui, gostaria muito de saber mais sobre a minha familia.

      Responder

      1. William, tente descobrir pela internet mesmo, mass vai ter que fazer a consulta em italiano.
        Abraços
        Rogerio Ruschel

        Responder

  3. Obrigado, Cris. De fato o Lazio é quase desconhecido porque Roma é muito atrativa, mas vale a pena conhecer. Grato pela pelo prestigio da leitura e por compartilhar com teus amigos. Abraços, Rogerio

    Responder

  4. Impressionante a beleza deste lugar…
    Estarei em Roma , junho de 2016 e ficarei hospedado no centro de Roma.
    Como faço para chegar nestes lindos vilarejos ?
    grato
    Eder.

    Responder

  5. Ola Eder, obrigado pelo prestigio da leitura. Antes de viajar para Roma voê pode pesquisar sobre o Lazio e as comunidades, para ter uma ideia basica do que gostaria de conhecer. Em Roma pode procurar uma agencia de turismo receptivo e contratá-la para ajudá-lo a planejar o roteiro, alugar carro, reservar locais. Na verdade tudo isso pode ser feito por voce mesmo, de casa, por internet, mas se não quiser perder tempo e tiver espirito para descobrir sozinho, pesquise por internet, reserve o carro do Brasil e vá em frente. Boa viagem

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *