Feira livre de Dijon: produtos naturais para acompanhar os vinhos da Borgonha

Feira livre de Dijon: produtos naturais para acompanhar os vinhos da Borgonha

2 minutos Por Rogerio Ruschel (*) Uma das coisas que gosto de fazer é visitar as feiras livres das cidades – o retrato da alma dos moradores, como o mercado público, nas fotos acima e abaixo.   Em Dijon procurei me informar, porque queria saber o que os franceses compram para manter a fama de uma das capitais com melhor gastronomia da França. Pois descobri: o mercado público de Dijon (acima) foi finalizado em 1875 mas continua moderno, amplo e limpo porque o povo Continue lendo

Conheça o Templo do Sol do Império Inca em Ingapirca, no Equador, onde a existência do mundo era festejada com o vinho dos deuses

Conheça o Templo do Sol do Império Inca em Ingapirca, no Equador, onde a existência do mundo era festejada com o vinho dos deuses

3 minutos Por Rogério Ruschel (*) Alem dos três belos sítios declarados como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e mais conhecidos internacionalmente (as ilhas Galápagos, o Centro Histórico de Quito e a cidade de Cuenca), o Equador tem pelo menos mais quatro atrações de primeira classe: a viagem de trem no topo dos Andes (veja um post já publicado aqui no In Vino Viajas), o roteiro dos vulcões, os tesouros da Amazônia e as ruínas da cidade inca de Ingapirca. Nesta reportagem vamos apresentar Continue lendo

Cultura, arte e alegria num carrossel de Florença

Cultura, arte e alegria num carrossel de Florença

2 minutos   Por Rogerio Ruschel (*) Em abril de 2012 estava em Florença e encontrei numa praça (Piazza de la Republica, veja abaixo) um belíssimo carrossel. Meu lado criança imediatamente me obrigou a andar nele, mas tive paciência e voltei ao local no fim da tarde para fotografá-lo com as lâmpadas acesas e também porque como tinha almoçado tarde e bebido uma (ou duas?) garrafas de Chianti, poderia enjoar.   Segundo o que consegui descobrir com um funcionário, se tratava de um equipamento Continue lendo

Um brinde a Berna, nas montanhas da Suíça, Patrimônio da Humanidade, dos ursos e turistas

Um brinde a Berna, nas montanhas da Suíça, Patrimônio da Humanidade, dos ursos e turistas

4 minutos Por Rogerio Ruschel (*) Um turista comum, como eu e você, visita Berna por pelo menos uma de quatro razões principais: fotografar o belo centro histórico da cidade, tombado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco; fazer compras de produtos de alta qualidade como relógios, chocolates, roupas, canivetes e perfumes nos quase 6 km de arcadas, chamadas pelos moradores de “Lauben”; visitar os museus ou pelo menos o Zentrum Paul Klee, um museu modernoso com uma grande coleção das obras deste artista suiço; Continue lendo

Em Potrerillos, nas cabanas andinas del Cortijo del Torreon

Em Potrerillos, nas cabanas andinas del Cortijo del Torreon

1 minuto   Por Horácio Barros (*) Após terminar a fase de visitas às vinícolas da Argentina, nossa meta era de voltar ao Chile para colocar o motor-home no navio para os Estados Unidos. Entretanto fomos convidados por Frederica Matas para passar 3 dias  nas charmosas cabanas andinas: El Cortijo del Torreon, em Potrerillos, cerca de 60 km da cidade de Mendoza – ARG. (Km 1099 da Ruta Provincial 82 com a ruta Nacional n˚ 7) caminho para a travessia (Ruta Internacional) que se dirige para Continue lendo

Vila Michelon: o hotel temático do Vale dos Vinhedos

Vila Michelon: o hotel temático do Vale dos Vinhedos

3 minutos   Por Horácio Barros (*)   O Complexo Turístico Hotel Villa Michelon fica excepcionalmente bem localizado na rota do vinho do Vale dos Vinhedos, RS 444 – Km 18,9, da cidade de Bento Gonçalves – RS. É um hotel temático. Tudo gira em torno do vinho. As alas dos quartos tem nomes de uvas, como a Ala Cabernet, a Ala Chardonnay, e outras.   É um paraíso, tranquilo, silêncio absoluto. Ótimo para quem procura descansar com a família, grande espaço externo com Continue lendo

Visitando as Ilhas Galápagos, o planeta encantado perdido no Oceano Pacífico, que mudou o mundo

Visitando as Ilhas Galápagos, o planeta encantado perdido no Oceano Pacífico, que mudou o mundo

3 minutos Por Rogerio Ruschel (*) Galápagos é certamente um dos lugares mais estranhos e curiosos do mundo, e até hoje nunca soube de um turista ou conheci um jornalista que não tenha ficado muito impressionado com o que encontrou lá – de fato, Galápagos merece ser um dos destinos mais desejados do mundo – e tão interessante que vou apresentá-lo aos poucos leitores do In Vino Viajas em vários posts, começando agora.  Perdidas no meio do Oceano Pacífico, cerca de 980 quilometros da Continue lendo

Tim-Tim: um brinde com vinhos BB King, Nelson Mandela ou George Clooney

Tim-Tim: um brinde com vinhos BB King, Nelson Mandela ou George Clooney

3 minutos BB King já havia sido associado a vinhos em um evento no Douro, Portugal, em 2010, com um tema perfeito: B B King e vinho Douro: quanto mais velho, melhor. Por Rogerio Ruschel (*) Se eu fosse “marketeiro” de uma vinícola, certamente apostaria forte nessa tendência: lançar vinhos de autor, e se possível, com o nome de famosos que agreguem volume de fans mas sobretudo credibilidade no que se refere a qualidade. Isto é mais ou menos óbvio, uma vez que vinho Continue lendo

14 meses de rodo-vinho: um brinde ao espírito de equipe da família Barros

14 meses de rodo-vinho: um brinde ao espírito de equipe da família Barros

5 minutos   Horácio Barros e os filhos Pedro e Natália Por Rogerio Ruschel (*) O mineiro Horácio Barros e seus filhos Pedro e Natália já estão há 14 meses na Wine World Adventure, a volta ao mundo do vinho em 170 regiões vinícolas de 24 países, percorrendo 100.000 kms em um motor-home – veja http://www.wineworldadventure.com/ In Vino Viajas vai publicar posts com alguns dos melhores destinos de enoturismo desta que é a maior enovolta ao mundo. No post de hoje publicamos a segunda Continue lendo

Um brinde a Horácio Barros, o pai da maior viagem de enoturismo do mundo

Um brinde a Horácio Barros, o pai da maior viagem de enoturismo do mundo

5 minutos   Por Rogerio Ruschel (*) Horácio Morais Barros é mineiro, engenheiro e aposentado. Como é consultor e autor de livros e CDs sobre vinhos, decidiu conhecer pessoalmente algumas regiões vinícolas. Mas do seu jeito. Ao fim de dois anos de planejamento a idéia se transformou no projeto Wine World Adventure: uma volta ao mundo do vinho em 170 regiões vinícolas de 24 países conhecendo mais de 700 vinícolas, durante 30 meses, com mais de 100.000 kms percorridos em um motor-home. No motor-home Continue lendo

Seis Vinhedos Patrimônio da Humanidade: do Alto Douro de Portugal a Tokay, na Hungria

Seis Vinhedos Patrimônio da Humanidade: do Alto Douro de Portugal a Tokay, na Hungria

4 minutos   Por Rogerio Ruschel (*)   Alguns dos melhores destinos turísticos do mundo estão inseridos em paisagens tão bonitas e historicamente importante que foram reconhecidas pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como Patrimônio Mundial da Humanidade – como os vinhedos do Alto Douro, em Portugal, abaixo. Entre os 962 sítios tombados pela Unesco em 153 países, 188 são naturais, e entre eles estão seis regiões produtoras de vinhos: Alto Douro, Portugal; Vinhas do Pico, Continue lendo

O hotel holandes onde os turistas dormem em toneis de vinho

O hotel holandes onde os turistas dormem em toneis de vinho

1 minuto   Por Rogerio Ruschel (*) Existe um hotel holandes com pelo menos duas estranhezas: o nome – Hotel de Vrouwe van Stavoren – e o fato de que os hóspedes podem dormir dentro de barris de vinho.   É claro que não tem mais vinho dentro dos barris, e também é certo que os barris na verdade são toneis daqueles grandes, para 14.500 litros – mas continuam sendo toneis de carvalho usados para envelhecer vinhos.   São só 4 quartos feitos com Continue lendo

Primavera nos parques de Genebra – 2: tulipas, banhos de sol e visitas a museus

Primavera nos parques de Genebra – 2: tulipas, banhos de sol e visitas a museus

3 minutos Por Rogerio Ruschel (*) Em post anterior mostramos vários parques e museus de Genebra – veja o post Genebra: um brinde aos museus e parques na primavera neste blogue. Muitos dos mais de 50 parques de Genebra – a Cidade dos Parques – são pequenos e podem estar unidos por pequenas ruas ou alamedas floridas; alguns deles podem sediar museus, organizações internacionais e restaurantes como o Parque da Imperatriz, o Jardim Botanico, Parc L’Ariana (foto abaixo, com o Museu da cerâmica), o Continue lendo

Genebra: um brinde aos museus e parques na primavera

Genebra: um brinde aos museus e parques na primavera

4 minutos Este repórter no Horloge Fleurie, no Jardin Anglais Por Rogerio Ruschel (*) Mesmo com menos de 200 mil habitantes Genebra (foto do centro, abaixo) é a segunda maior cidade da Suiça; destes, pelo menos um terço são estrangeiros, o que a torna uma das mais globalizadas da Europa. Por causa de sua notória independência política, a Suiça é a sede de mais de 20 organizações multilaterais da rede da ONU (veja abaixo) e de 250 organizações internacionais de primeiro time. E a Continue lendo

Anuário Vinhos do Brasil 2013 já está disponivel

Anuário Vinhos do Brasil 2013 já está disponivel

1 minuto   Por Rogerio Ruschel (*) A BACO Multimídia, em parceria com o IBRAVIN (Instituto Brasileiro do Vinho) e Wines of Brasil, acaba de lançar a edição 2013 do Anuário Vinhos do Brasil. Com 164 páginas é a mais completa e atualizada publicação sobre vinhos brasileiros, trazendo números oficiais, mapas e dados das regiões produtoras, fotos, infográficos, tendências e padrões de consumo, as castas e uma prova às cegas com mais de 550 rótulos, apresentando os melhores de cada categoria.   O anuário Continue lendo

Calcata: o vilarejo medieval que se recusou a morrer e renasceu na Nova Era

Calcata: o vilarejo medieval que se recusou a morrer e renasceu na Nova Era

2 minutos Por Nadiella Monteiro (*) Os quase 50 km de distância de Roma conseguem disfarçar a longa viagem no tempo, por todos estes séculos que separam Calcata do mundo contemporâneo. Com achados que datam de mais de 800 anos antes de Cristo, seu castelo e os muros que a cercam foram construídos na era medieval. Era uma espécie de pimeira barreira a defender a região e a cidade de Roma. Na década de 1930, com medo de que ruíssem as estruturas vulcânicas onde Continue lendo

Uma fonte de vinho no Caminho de Santiago

Uma fonte de vinho no Caminho de Santiago

1 minuto Por Rogerio Ruschel (*)   A espanhola Bodegas Irache conseguiu entrar nos guias de vinófilos e de turismo por conta de uma iniciativa muito interessante: construiu uma fonte de vinho em um de seus muros que é vizinho de um dos roteiros do Caminho de Santiago, para ajudar os peregrinos a enfrentar o cansaço e calor. A bebida é gratis. Fundada em 1891, a Bodegas Irachetem sede perto de um antigo monastério na pequena localidade de Ayegui, nos vales de La Solana, Continue lendo

Internautas da TripAdvisor elegem os melhores destinos de enoturismo do mundo

Internautas da TripAdvisor elegem os melhores destinos de enoturismo do mundo

2 minutos Ponte Vecchia em Florença, Toscana Por Rogerio Ruschel (*) A TripAdvisor, um dos maiores sites de viagens do mundo, fez uma pesquisa e classificou, de acordo com opiniões de internautas, os melhores lugares para fazer enoturismo no mundo. A edição 2012 do prêmio Travellers’ Choice na categoria “Destinos de Vinho” foi feito com base em 32 locais indicados por internautas e viajantes amantes do vinho e depois avaliados de acordo com as vinícolas, restaurantes, atrações e acomodações que cada local oferece. Mundo Consolidando todos os Continue lendo

Gruyère: queijos e vinhos em um vilarejo encantado com um museu e um bar para alienígenas

Gruyère: queijos e vinhos em um vilarejo encantado com um museu e um bar para alienígenas

5 minutos Por Rogério Ruschel (*) Meu caro leitor ou leitora, provavelmente você já ouviu falar do queijo Gruyère, um dos mais conhecidos e consumidos queijos suiços, ao lado do Emmental, Raclette, Sbrinz, Tilsit e Vacherin Mont’d’Or. E queijo suíço obviamente é fabricado com leite de vacas suíças (como as que aparecem nesta fazenda, abaixo) – o mesmo leite com o qual os suíços fazem chocolate – o que já funciona como certificação de origem. Pois este queijo é fabricado especialmente em Gruyères, minúsculo Continue lendo

Um guia para escolher o melhor do enoturismo mundial – ou quase!

Um guia para escolher o melhor do enoturismo mundial – ou quase!

menos de 1 minuto Por Rogerio Ruschel (*)   Os melhores do enoturismo mundial em 9 grandes regiões vinícolas estão ao alcance do seu clique.   A Great Wines Capitals Global Network (Rede Global de Capitais Produtoras de Grandes Vinhos, em livre tradução), associação que promove nove polos produtores de vinho de qualidade (Bilbao, Bordeaux, CapeTown, Christchurch, Florença, Rheinhessen, Mendoza, Porto e San Francisco) acaba de lançar a Edição 2013 do tradicional Guia “Best of Wine Tourism”.   O guia apresenta as 55 propriedades Continue lendo

No teto do trem, no topo dos Andes: uma viagem maluca no Equador

No teto do trem, no topo dos Andes: uma viagem maluca no Equador

5 minutos Por Rogerio Ruschel (*) Meu prezado leitor ou leitora, o Equador é um país pequeno, mas surpreendente, com muitos atrativos turísticos baseados em rica herança arqueológica, arquitetura histórica, atrativos urbanos, parques naturais, vulcões,  cultura típica tradicional, o tesouro do arquipélago de Galápagos – e estradas de ferro sensacionais. Ingapirca, um “mini-Cuzco” no Peru Como parte do Equador fica no litoral do Oceano Pacífico (como a capital econômica e super-porto, Guayaquil) e a outra parte está no alto da Cordilheira dos Andes (inclusive Continue lendo

Guayaquil, Equador: simpatia histórica, belezas naturais, cultura global e muita animação no Malecón 2000

Guayaquil, Equador: simpatia histórica, belezas naturais, cultura global e muita animação no Malecón 2000

4 minutos Por Rogério Ruschel (*) Fundada com o titulo de “Muy Noble y Muy Leal Ciudad de Santiago de Guayaquil” em 1547 pelos espanhóis como um estaleiro e porto comercial para escoar as riquezas do Novo Mundo para a Coroa Espanhola, Guayaquil é a maior cidade do Equador com mais de 2,5 milhões de habitantes (a Grande Guayaquil chega a 4,5 milhões). Monumento aos Libertadores da América do Sul, Simon Bolívar e San Martín E é uma das mais atraentes cidades do Equador, Continue lendo

Vindima 2013 em Canela: o pacote da CVC com a Jolimont

Vindima 2013 em Canela: o pacote da CVC com a Jolimont

1 minuto   Por Rogerio Ruschel (*) Rio das Antas A CVC fez seu próprio programa para levar turistas ao Rio Grande do Sul durante a Vindima 2013, que vai até metade de março. Trata-se de um pacote especial de 8 dias (a partir de R$ 998,00 por pessoa) feito em parceria com a Vinícola Jolimont, de Canela, na serra gaúcha, que oferece ao turista a experiência de conhecer a vindima participando da colheita da uva, do esmagamento com os pés e até fazer Continue lendo

Vindima 2013 em São Roque – SP com a Goes

Vindima 2013 em São Roque – SP com a Goes

1 minuto   Por Rogerio Ruschel (*)   O verão brasileiro é o período de colheita da uva em quase todos os sete pólos vinícolas brasileiros, entre os quais os polos do Rio Grande do Sul (na serra e na campanha), Santa Catarina, Paraná e São Paulo. O mais badalado do Brasil, comparável às vindimas de setembro/outubro na Itália e Espanha, é o evento de colheita na serra gaúcha, especialmente em Bento Gonçalves, o “Bento em Vindima” – que recebe milhares de turistas até Continue lendo

Vindima 2013 em Bento Gonçalves com a Pizzato

Vindima 2013 em Bento Gonçalves com a Pizzato

1 minuto   Por Rogerio Ruschel (*)   Turistas se divertem com a pisa das uvas A Pizzato é uma vinícola com 42 hectares de viníferas européias no Vale dos Vinhedos, Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, que produz uva e vinhos há muitas gerações, inicialmente na Itália e depois no Brasil, para onde parte da familia migrou em 1880. A partir de 1999 começam a produzir vinhos finos com o Pizzato Merlot (muito bem recebido na época) e na seguencia com rótulos com uvas Continue lendo

Galvão Bueno fica sócio da Miolo

Galvão Bueno fica sócio da Miolo

3 minutos Por Rogerio Ruschel (*) O apresentador da Rede Globo de Televisão Galvão Bueno confirmou que assinou ontem, segunda-feira, 21 de janeiro, contrato para ser sócio da empresa gaúcha Miolo, ao lado das familias Miolo, Benedetti, Tecchio e Randon. Assim o locutor fortaleceu a parceria com o Miolo Wine Group iniciada em 2009 com o desenvolvimento de dois vinhos de sua propriedade. Galvão Bueno e Adriano Miolo fazem um brinde ao negócio A parceria de Galvão Bueno com a Miolo incluia o desenvolvimento Continue lendo

Serra gaúcha é um dos 10 melhores destinos de enoturismo do mundo

Serra gaúcha é um dos 10 melhores destinos de enoturismo do mundo

6 minutos Por Rogerio Ruschel (*) O Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha, foi eleito pela revista americana Wine Enthusiast (uma das mais influentes do mercado) como um dos 10 melhores destinos enoturísticos do mundo para se visitar em 2013. A lista reúne alguns destinos já consolidados como Vale do Rio Douro (Portugal), Stellenbosch (África do Sul), Hunter Valley (Austrália) e Rioja (Espanha) – e o Vale dos Vinhedos é o único destino da América Latina selecionado. In Vino Viajas já sugeria e reforça Continue lendo

A miopia de marketing do vinho brasileiro: assistindo pela janela o sucesso dos vizinhos

A miopia de marketing do vinho brasileiro: assistindo pela janela o sucesso dos vizinhos

6 minutos   Por Rogerio Ruschel (*) Os produtores de vinhos da Argentina, Chile e África do Sul pensam grande. Na verdade, pensam de maneira correta: o mercado do vinho está na preferência de cada consumidor, e este consumidor pode estar em qualquer lugar do planeta. Pensando assim as organizações representativas de produtores de vinhos destes tres países estão juntando as forças para ficarem mais competitivos no mercado global. Criaram um evento denominado The Beautiful South a ser realizado em setembro de 2013 (dias Continue lendo

Os vinhos da Alsácia: uma arte de 2.000 anos

Os vinhos da Alsácia: uma arte de 2.000 anos

4 minutos Por Rogerio Ruschel (*) O clima é especialmente benéfico para a produção de vinhos como já haviam se dado conta os romanos há mais de 2.000 anos, por conta da fertilidade do vale do Reno, da baixa precipitação pluviométrica (entre 400 e 500 milímetros de chuva por ano), da baixa altitude (entre 200 e 400 metros) e da proteção das montanhas Vosges.      Registros informam que na Idade Média os vinhos da região já estavam na lista dos mais caros. Na Continue lendo