12 fotos supreendentes da Toscana: veja porque este é um dos lugares mais bonitos do mundo!

Tempo de leitura: 2 minutos

 

Por Rogerio Ruschel (*)

 

A Toscana tem uma história de muita luta e as duas fotos acima, do Castello del Boccale, enfrentando a fúria do mar em Livorno, e o bucolismo de um vinhedo escondido na região do Chianti, são duas faces da mesma personalidade.

Habitada originalmente pelos etruscos a Toscana ligou-se definitivamente a Roma no século IV A.C., foi dominada pelos francos a partir do ano 774 D.C.; doada como testamento pelos Condes de Lucca aos Estados Pontifícios; retalhada políticamente por causa disso; cresceu em prestígio comercial e artístico com a ascensão dos Médicis em Florenca a partir de 1421; foi dominada por Napoleão Bonaparte – e para encurtar a história, somente em 1860, após um plebiscito, foi assimilada pelo Reino da Itália. Algumas cidades ainda mantém as muralhas como testemunho destes tempos, como Lucca, abaixo.

Além das belezas naturais e patrimônio histórico e cultural, a Toscana ficou conhecida também por seus vinhos; no mapa abaixo você pode ver as principais regiões viníferas, com destaque para o Chianti Clássico entre Firenze e Siena, e Brunello de Montalcino, nas Colinas de Montalcino.

 

E agora veja no mapa abaixo a localização de algumas das cidades mais importantes (em fundo laranja) e sua relação com as principais DOs (Denominações de Origem) toscanas (em fundo azul).

 

Principal província italiana na produção de vinhos e atração de turistas, para ser conhecida a Toscana requer muito mais tempo do que se consegue ver em viagens curtas a Florença e Siena, meu caro leitor. Veja algumas das belezas da região do Chianti em diferentes estações, de manhã, ao por do sol, com nuvens, sem nuvens, com oliveiras ou videiras, sempre maravilhosa!

 

Se você ainda não se convenceu, meu caro leitor, veja abaixo duas imagens da Toscana menos badalada, mas belíssima como você vai concordar: a primeira é da região de Castel Franco di Sopra, na Província de Arezzo e a segunda do Castello del Boccale, em Livorno, no litoral toscano, que também abre este post por sua beleza selvagem.
E para fechar com chave de ouro este post, veja duas imagens do Vale d”Orcia formado pelo rio Orcia no sul de Siena, que abriga uma grande área tombada como Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco em 2004.
Um brinde à Toscana – sempre, meu caro  leitor!

Fonte: La Toscana, https://www.facebook.com/toscana.it

Para saber mais sobre a Toscana, digite Toscana ou Lucca no espaço “Pesquisar” deste blog.
(*) Rogerio Ruschel é jornalista, enófilo e esteve tres vezes na Toscana, mas está longe de dizer que conhece a região.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *